Apoio a Projetos Sociais marca versão 2019 do São João de Solânea.

Catasol e Instituto Casa Azul realizaram atividades nos três dias da festa.

O apoio do Governo de Solânea a projetos sociais estabelecidos na cidade foi uma das marcas da versão 2019 do São João. Catadores da Associação de Catadores de Materiais Recicláveis de Solânea e voluntários do Instituto Casa Azul realizaram ações durante os três dias do evento com o objetivo de fortalecer o trabalho dos projetos de terceiro setor instalados no município.

O presidente da Catasol, Erivan Oliveira, explicou que o trabalho realizado pela equipe de catadores durante a festa foram as coletas de plásticos, papelão, vidros e latinhas. A Organização Não Governamental “Instituto Casa Azul”, que trabalha com apoio e atendimento às crianças autistas e suas famílias, instalou uma tenda dentro da festa e realizou comercialização de produtos e promoções com objetivo de arrecadar fundos para as atividades do projeto. “Estamos participando da festa junina de Solânea para divulgar o nosso trabalho, arrecadar fundos, e buscar parcerias com profissionais da saúde, empresários, outras prefeituras e Estado. Nosso objetivo é formar uma corrente para abrir a clínica escola que irá atender 41 autistas de Solânea, Bananeiras e Arara” contou a presidente Edilma Azevedo. Foi realizado também sorteio de cesta junina na última noite da festa.

Iniciativa é comemorada

A presença dos voluntários e catadores foi comemorada pelos que participavam da festa. A professora doutora Socorro Lopes, fundadora da Catasol, disse que esse é mais um projeto social que deu certo e parabenizou os envolvidos. “Parabenizo o prefeito e a Secretária do Meio Ambiente pelo apoio incondicional para a promoção da inclusão social e visibilidade dos catadores que vivem a margem da sociedade, mas que tem tamanha importância”, avaliou.

COMPARTILHAR