Bares, restaurantes e lanchonetes de Solânea podem funcionar com 50% de sua capacidade.

Não adotar as medidas pode causar multa para o proprietário do estabelecimento de R$ 500 por descumprimento. Está proibido música ao vivo e locais podem ficar abertos ao público até às 22h.

Desde a última quarta (07) a equipe “fiscalização da Covid-19” do Governo de Solânea visitou os bares, restaurantes e pizzarias do município para informar sobre as medidas do novo decreto municipal 016/2021, divulgado no último domingo (04).  Os Bares, restaurantes, pizzarias e lanchonetes poderão abrir ao público das 06h às 22h com 50% da sua capacidade, utilizando áreas abertas.

Cada descumprimento pode acarretar multa a partir de R$ 500,00 reais. Até hoje, cerca de 30 estabelecimentos foram visitados, nas zonas rural e urbana. A fiscal do setor de tributos, Flávia Diogo, informou que a partir de amanhã (09) os estabelecimentos estarão sendo fiscalizados. “A determinação é que apenas 50% das mesas sejam mantidas no local, respeitando o distanciamento e sem possibilidade de junção das mesas. É imprescindível que os donos de estabelecimentos mantenham os cuidados e medidas sanitárias entre os funcionários e clientes”, explicou Flávia.

Segundo Flávia, as medidas foram bem aceitas pelos proprietários e as fiscalizações também irão acontecer no final de semana. O atendimento delivery e retirada no local podem ocorrer até às 23:30. O novo Decreto Municipal segue medidas divulgadas no último decreto Estadual 41.142, que vigora desde o último dia 05 de abril em cidades bandeira laranja, como o caso de Solânea.

COMPARTILHAR